Buscar

Desenvolvendo a Coleção Pau e Ferro


Começar a desenhar um móvel que será vendido como produto é bem difícil. Encarar a folha em branco é sempre complicado para mim. É muita transpiração, busca de referências e idas e vindas em relação ao design.


Nessas horas gosto de voltar às bases do Estúdio Carvão. Isso sempre funciona como um farol quando estou perdido. A trajetória do estúdio, e todo o nosso histórico de projetos, tanto de arquitetura quanto de design, sempre apontou para linhas simples, elegantes, de valorização da beleza natural dos materiais que uso. Não por acaso o nome do estúdio é carvão, uma homenagem à madeira, ao metal e à pedra.


Como arquiteto de interiores, também pensei em desenhar móveis que eu gostaria de colocar dentro dos meus projetos de reforma residencial, alinhados com o tipo de arquitetura que faço. É sempre cansativo, num processo de projeto junto ao cliente, encontrar móveis que se adequem perfeitamente aos ambientes que estamos criando, e ao mesmo tempo entrem no orçamento da obra. Seria incrível daqui um tempo ter a autonomia de conseguir mobiliar uma casa inteira com móveis Carvão. E este é um plano para um futuro próximo.


Detalhe do Carrinho-bar

Juntando a simplicidade do desenho e o desejo de misturar diferentes materiais e texturas, desenvolvemos uma minicoleção com um carrinho-bar e uma mesa de centro. A lamina de madeira é de Pau-Ferro, uma madeira avermelhada com veios escuros bem desenhados.


Coincidentemente o nome Pau-Ferro remete à utilização da madeira e do aço (pau e ferro), característica destes móveis. Aproveitei então e peguei emprestado este nome para usar na coleção, como uma homenagem ao material.


A produção das peças fica a cargo de nós mesmos, junto com pequenas serralherias parceiras da região central de São Paulo, mais precisamente na Barra Funda. Nossa produção será por encomenda, em pequenas levas, com entregas primeiramente em São Paulo.


Esta nova empreitada da Carvão surge na esperança de lançar produtos que outras pessoas achem belos, ao mesmo tempo fugindo da lógica de produção das empresas gigantes moveleiras, incentivando pequenos produtores e um diálogo mais direto e amigável entre quem projeta, quem produz e quem compra.


As fotos foram tiradas pelos nossos amigos da Lumi.

Para saber mais dos produtos, veja em nossa loja virtual


E para saber com antecedência de nossas novidades, assine a newsletter no rodapé do site.


Nos falamos em breve!

Juliano

109 visualizações